Tattoo e Seus Significados: Escolha a Sua na Visão Tattoo

Quando você faz uma tatuagem, você está decidido a marcar seu corpo definitivamente. Por isso é importante conhecer a tattoo e seus significados: já que você terá uma marca para o resto da vida, ela deve representar alguma coisa para você.

 

A tatuagem tem uma longa história, acompanhando a humanidade desde os seus primórdios. Cada desenho representa alguma coisa importante e cada cultura aplicava tatuagens com um propósito, como, por exemplo, um ritual religioso, uma marca de família ou do clã, a passagem para a vida adulta ou a força do guerreiro, entre outras coisas.

 

Tatuagem, a princípio, é uma forma de arte corporal que hoje atrai milhões de pessoas no mundo todo. Hoje, fazer uma tatuagem faz com que a pessoa se mostre engajada, por dentro da moda, mas é algo que existe há milênios.

 

A tattoo e seus significados são muitos variados, podendo ser feita nos mais diversos estilos, utilizando qualquer tipo de desenho. Por isso, é importante que você, ao resolver fazer uma tatuagem, procure algo exclusivo, que expresse sua personalidade e seu jeito de ser.

 

Assim, ao fazer uma tatuagem, é preciso conhecer o que o desenho representa, qual o seu significado original e como ele pode expressar sua forma de ser e viver. Ao mesmo tempo, é necessário que tenha beleza e harmonia, já que é algo que vai estar no seu corpo de forma permanente.

 

A Tattoo e Seus Significados Explícitos

 

tattoo no ombro

 

Existem aquelas tatuagens que mostram de forma clara e inequívoca o que significam, não precisando de qualquer explicação para que seja entendida, como por exemplo, tatuagens com letras ou frase, que já estão dizendo aquilo que você pretende.

 

Outras, combinações de desenhos com nomes, por exemplo, também são bastante claras. Se você faz uma tatuagem com um coração e um nome, todo mundo vai saber que você está expressando o amor por uma pessoa.

 

Só é preciso cuidado quando você fizer uma frase em outro idioma: é preciso entender o significado e tomar cuidado com a ortografia, para não cair na esparrela de ter algo escrito de forma errada e não se tornar motivo de chacota por parte de quem entende.

 

Tattoo e Seus Significados Subjetivos

 

tattoo no ombro

 

Outras tatuagens apresentam significados subjetivos, que podem ser interpretados de acordo com a própria pessoa, como acontece com figuras que tanto podem representar atitudes, como características pessoais, ou mesmo sentimentos.

 

Esse tipo de tatuagem é interessante para quem pretende ser mais discreto, ou seja, para quem o significado seja importante para si mesmo e não para mostrar aos outros. Como um desenho pode ter diversos significados, a pessoa tatuada pode explicar da forma que quiser quando for perguntada sobre o assunto.

 

Para quem pretende ter uma tattoo com significados que sejam entendidos apenas por ele, é bom pesquisar bastante e, principalmente, solicitar informações do tatuador. Como se trata de uma pessoa que já tem experiência, ele poderá indicar um desenho recomendado para o tipo de personalidade de cada pessoa.

 

Assim, por exemplo, se você faz uma tatuagem com o símbolo do infinito, você pode dar diversas interpretações. Ao mesmo tempo em que o infinito é um símbolo de algo que não tem fim, no Budismo e no Hinduísmo é o símbolo do renascimento e da reencarnação, ou pode até significar que você está em constante recomeço.

 

Precisamos lembrar, no entanto, que uma tatuagem não precisa apresentar um simbolismo. Ela pode, simplesmente, ser um desenho que você gosta, que você acha interessante e que considera que vale a pena tê-lo no seu corpo.

 

O mais importante é que você se sinta bem com o desenho escolhido. A tattoo e seus significados podem representar aquilo que você quiser, e você tem a opção de escolher o melhor estilo que representa tudo aquilo que você mesmo pensa.

 

Tattoo e Seus Significados na História

 

tattoo e seus significados 3

 

Se formos analisar a história, vamos ver que a tattoo e seus significados foram muito diferentes para culturas diferentes.

 

Uma constatação de que essa é uma verdade é o homem do gelo, Otzi, que foi encontrado nos Alpes, congelado por mais de 5 mil anos. O homem do gelo apresenta pelo menos 60 tatuagens espalhadas pelo corpo, o que lhe trouxe fama mundial.

 

Afinal, poderia ser apenas um homem morto e congelado, surpreendido por alguma nevasca. Mas, tudo levou a que se tornasse conhecido no mundo todo, tanto pelo fato de ser um homem totalmente preservado pelo gelo quanto pelo fato de ser o homem tatuado mais atingido que pudemos ter notícia.

 

Otzi veio comprovar que as tatuagens já eram um costume na época em que vivia. Antes dele, foram descobertas múmias de mais de 2.500 anos com desenhos pelo corpo, e tudo leva a crer que tenham sido tatuagens ritualísticas, servindo para cura ou para ajudar o corpo a entrar no reino dos mortos.

 

Em nossa sociedade, pelo menos desde o século 20, as tattoo e seus significados geraram muita polêmica. Muita gente ainda não gosta de tatuagens, e isso vem do fato de que elas eram proibidas inclusive pela Igreja Católica. Depois, foram usadas por marinheiros e criminosos, o que as tornava um símbolo do que não é muito agradável para pessoas de bons costumes.

Contudo, a tatuagem se popularizou e hoje praticamente metade das pessoas apresenta pelo menos uma tatuagem, sendo considerada mais como uma marca pessoal do que um símbolo do mal, como acreditava a Igreja.

 

 

Conheça Mais o Nosso Trabalho –> Aqui no Visão Tattoo

Quer inspirações? Então olhe nosso feed do Instagram da Visão Tattoo!

 

A História da Tattoo e Seus Significados

 

tattoo e seus significados 4

 

Usada por indígenas e nativos das ilhas do Pacífico, dos Estados Unidos, do Egito e de outros lugares do mundo, a tattoo e seus significados possui um papel importante também na Inglaterra.

 

Júlio César, o imperador romano que invadiu as Ilhas Britânicas em 55 antes de Cristo, escreveu que todos os britânicos marcavam seus corpos com pastel, uma espécie de planta que era usada para fazer corantes, dando uma cor azulada que os tornava mais ameaçadores durante as batalhas.

 

Essa cor azul, inclusive, foi o que deu o nome à ilha. O nome Bretanha, que é proveniente de Britânia, é decorrente de Pretannia, uma palavra que, no idioma cela, significa “homens que são pintados”, ou ainda “homens tatuados”. Para eles, a tatuagem era um símbolo de sua força. Basta lembrar o filme “Coração Valente”, onde os escoceses só entravam em campo de batalha pintados de azul.

 

Mesmo que o costume tenha perdido força, a tattoo e seus significados nunca deixou de existir na Europa, sendo usada em todos os tempos por marinheiros, expatriados e comerciantes, que costumavam viajar para outras terras, trazendo delas o costume.

 

Não tendo desaparecido completamente, era natural que as tatuagens voltassem a ser um costume normal para as pessoas. Principalmente na época das grandes navegações e descobertas, quando os marinheiros viajavam por praticamente todos os mares.

 

A palavra tattoo surgiu pela primeira vez nessa época, quando James Cook descobriu a Polinésia e o Taiti, encontrando pessoas que usavam tatuagens. O naturalista Joseph Banks, que acompanhava Cook, escreveu que pessoas dos ambos os sexos faziam pinturas no corpo, chamando-as de “tattow”, usando a cor preta por debaixo da pele, numa operação que era considerada bastante dolorosa.

 

No final do século 19, segundo um documento histórico do site History Today, praticamente 90% dos marinheiros ingleses apresentavam pelo menos uma tatuagem. Para eles, a marca no corpo era mais do que uma lembrança de suas viagens.

 

Esses marinheiros, por sinal, foram quem tornaram as tatuagens populares, abrindo estúdios na Inglaterra depois que se aposentavam, e aplicando desenhos em marinheiros mais jovens e prostitutas.

 

Com isso, as tatuagens acabaram por se tornar moda no Reino Unido, levando até mesmo pessoas da nobreza a marcarem seus corpos. O Rei Edward VII foi um que, depois de visitar Jerusalém, retornou com uma cruz tatuada no braço.

 

A tattoo e seus significados, dessa forma, chegou ao cristianismo. Os filhos do rei também seguiram o exemplo e fizeram tatuagens enquanto viajavam para Jerusalém. Um deles, George V, mandou fazer o desenho de um dragão quando fez uma viagem ao Japão.

 

Na mesma época, o rei da Dinamarca, Frederico IX, que gostou da ideia, também mandou fazer uma tatuagem parecida, sendo seguido pelo czar Nicolau II, da Rússia.

 

Note-se que foi o Japão que tornou as tatuagens mais populares. Atrás dos reis, vieram os plebeus e, dessa maneira, as tatuagens se tornaram cada vez mais populares, deixando de ser um sinal de marinheiros e prostitutas.

 

A Tattoo e Seus Significados no Oriente

 

O Japão, por sinal, possui registros de tatuagens com mais de 2 mil anos. Contudo, naquela país, a tatuagem se tornou um símbolo da criminalidade na mesma época em que os reis europeus começaram a se tatuar.

 

Acontece que as tattoo e seus significados era importante entre os membros da Yakuza, a máfia japonesa, cujos integrantes são tatuados no corpo todo, menos no rosto e nas mãos, que são expostos.

 

No final do século 19, as tatuagens foram proibidas no Japão, só se tornando novamente legais a partir de 1948. Mesmo assim, ainda há certas restrições, uma vez que pessoas tatuadas não podem entrar nos tradicionais banhos públicos ou mostrar suas tatuagens aleatoriamente.

 

O mesmo não acontece na Tailândia, onde turistas geralmente aproveitam seus passeios para fazer tattoo e seus significados locais, como desenhos religiosos, por exemplo. Mas o próprio governo da Tailândia mostra-se contrário, já que, se para os turistas a tatuagem é uma moda, para o povo se trata de respeito à religião. Um turista com tatuagem pode ofender uma pessoa nativa do país.

 

Os Diversos Significados das Tatuagens

 

Conforme o local e a época, as tattoo e seus significados mudam. Os marinheiros dos séculos 18 e 19, por exemplo, quando faziam tatuagem de tartaruga, indicavam que já tinham cruzado a Linha do Equador. Se tinha uma âncora, ele indicava que tinha navegado pelo Oceano Atlântico e, se por acaso fosse uma andorinha, isso queria dizer que já tinha navegado mais de 5 mil milhas náuticas.

 

Havia até aqueles que se aproveitavam das tatuagens, como marinheiros desobedientes, que eram submetidos a chibatadas nos navios. Esses mandavam desenhar uma imagem de Jesus nas costas, esperando que os oficiais não fossem tão rígidos na hora de castigá-los.

 

Entre os presidiários, o costume de fazer tatuagens também é bastante comum, inclusive nos dias de hoje. As tattoo e seus significados para esse grupo mostram o quanto ele pode ser perverso: cada desenho pode significar um crime cometido ou quantos policiais ele já matou.

 

Aqui no Brasil, por exemplo, quando um presidiário manda fazer uma tatuagem do Coringa, personagem do Batman, isso indica que ele foi responsável pela morte de policiais. Assim, se antes, no Império Romano, as tatuagens serviam para identificar prisioneiros, hoje é um motivo de orgulho para os criminosos.

 

Hoje, a tattoo e seus significados pode ser bem diferente dos tempos antigos, mas ainda representa alguma coisa para quem a manda fazer em seu corpo. Pode ser por razões emocionais, pode ser para expressar uma parte de sua personalidade, a tatuagem é algo que faz parte de nossa cultura.

 

Ela pode ainda ter significados estranhos, como podemos ver entre os presidiários, mas, na maior parte das vezes, é uma maneira de demonstrar aquilo que cada pessoa é, uma forma de apresentação. E, se você pretende encontrar um estúdio de tatuagem em Curitiba, venha conhecer o Visão Tattoo: vamos ter prazer em lhe atender e, inclusive, falar mais sobre tattoo e seus significados.

 

Saiba Mais

 

 

Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Precisa de ajuda?